CURSO DE MANUTENÇÃO EM CELULARES, SMARTPHONES E PDA

CURSO DE MANUTENÇÃO EM CELULARES, SMARTPHONES E PDA

Artigos

Gerações da Telefonia Celular (1G /2G/ 3G)


Gerações de Celular

Primeira Geração - 1G


AMPS (Advanced Mobile Phone Service)


Foi a primeira geração de sistemas celulares, formada por sistemas analógicos (que só permite a transmissão de voz).

Segunda Geração - 2G


Com a necessidade de sistemas digitais com maior capacidade, surgiram as tecnologias de segunda geração com a codificação digital de voz mais poderosa, maior eficiência espectral, melhor qualidade de voz, facilidade a comunicação de dados e a criptografia. Nessa geração, começa a se formar dois grandes grupos evolutivos: o CDMA e o GSM.

TDMA (Time Division Multiple Access)


É um sistema de celular digital que funciona dividindo um canal de frequencia em até seis intervalos de tempo distintos para aumentar a quantidade de dados que pode ser transmitida. Opera em 850 MHz.


CDMA (Code Division Multiple Access)


É um sistema digital que permite o acesso de muitos usuários simultaneamente em um único canal de estação rádio-base aumentando assim a capacidade da rede. Essa tecnologia compete diretamente com a GSM. A grande desvantagem é que os celulares que operam em CDMA são mais suscetíveis a clonagem. Opera nas frequências de 850 a 1900 MHZ.

GSM

 GSM (Global System for Mobile Communication)


Diferencia-se das outras tecnologias pelo uso de cartões de memória (chips) nos aparelhos, que possibilitam levar as características do assinante para outro aparelho ou rede GSM. Opera nas faixas de 400, 450, 850, 900, 1800 e 1900 MHz.

Entre Segunda e Terceira Geração - 2,5G


Smartphones

GPRS (General Packet Radio Service)


Esta permite o transporte de dados por pacotes (Comutação por pacotes). Sendo assim, o GPRS oferece uma taxa de transferência de dados muito mais elevada que as das tecnologias anteriores, por volta dos 40 kbps. A vantagem é que os usuários só pagam pelos dados e não pagam pelo tempo de permanência no ar em que se faz a conexão e nem pelo tempo de carregamento dos dados. É ele que permite a conexão da maior parte dos smartphones e celulares à internet.

EDGE (Enhanced Data Rates for Global Evolution)


É uma tecnologia de transmissão de dados e acesso à internet de alta velocidade que transmite dados em velocidade de até 384 kbps na prática e taxa média entre 110 e 120 kbps. As taxas médias são rápidas o suficiente para permitir serviços de dados avançados, como streaming de áudio e vídeo, acesso rápido à internet e download de arquivos pesados.

Vivo

CDMA-2000 1x ou 1xRTT (1xRadio Transmission Technology).


É um sistema que surgiu para fornecer aos usuários um acesso pelo terminal móvel com uma taxa de 144 kbps visto que os sistemas anteriores como o IS95 A e B atinge taxas na ordem de 14,4 kbps à 64 Kbps, o que acaba limitando-os a prover determinados serviços relacionados a rede. A operadora Vivo, é a única que utiliza a tecnologia 1xRTT no Brasil para uso móvel.


Terceira Geração - 3G


UMTS (Universal Mobile Telecommunications Service)


É a evolução do GSM, mas que ainda se baseia nessa tecnologia, embora o seu acesso por rádio seja diferente. É baseada em IP que suporta voz e dados em pacotes oferecendo taxas máximas de transmissão de dados de até 2 Mbps e velocidades médias de 220-320 kbps quando o usuário está andando ou dirigindo. Esta tecnologia foi desenvolvida para fornecer serviços com altos níveis de consumo de banda.


CDMA 1xEV-DO (Evolution, Data-Optimized)


Logo da Embratel

É a tecnologia 3G do CDMA, que possui alta performance para transmissão de dados com picos de até 2,4 Mbps. Portadoras distintas são necessárias para dados e voz neste sistema. Essa tecnologia está sendo utilizada no Brasil para telefonia fixa como a Embratel e pela operadora móvel Vivo em algumas cidades. A taxa de transmissão média é de 300 a500 kbit/s.


CDMA 1xEV-DV (Evolution, Data and Voice)


É a segunda etapa na evolução do CDMA 1xEV onde uma mesma portadora pode ser utilizada para voz e dados. Teoricamente, essa tecnologia utilizando as 2 portadoras, teria uma velocidade máxima de 4.8 mbps.


HSDPA (High Speed Downlink Packet Access)/HSUPA (High Speed Uplink Packet Access)


Permite que as pessoas enviem e recebam e-mails com grandes anexos, joguem interativamente em tempo real, recebam e enviem imagens e vídeos de alta resolução, façam download de conteúdos de vídeo e de música ou permaneçam conectados sem fio a seus PCs no escritório - tudo usando o mesmo dispositivo móvel. HSDPA refere-se à velocidade com que as pessoas podem receber arquivos de dados, o "downlink". HSUPA refere-se à velocidade com que as pessoas podem enviar arquivos de dados, o "uplink".